Mídia e Ecologia.com

Seguindo em Frente, Preservando o Meio Ambiente!

Pensado e Desenvolvido por Colaborador 6 Comentários

Ainda estou em período de "descanso" (provavelmente voltarei no final deste mês), mas como tive a agradável surpresa de receber um texto para colaborar com o MEEC, então resolvi publicá-lo logo.

Escrito pela colaboradora Mariana Bonfim - Contadora da Desentupidora 18 do Forte que ama a vida e se preocupa com o Meio Ambiente.
Seja um Colaborador você também!


A sustentabilidade deve estar presente de forma atuante em nossa vida, começando pela nossa casa. Um dos grandes problemas ambientais consiste na destinação de resíduos sólidos de origem humana. Em um país com precária rede de esgotos, o banheiro seco pode ser uma excelente solução.

O uso deste tipo de sanitário dispensa ou reduz a necessidade de serviços de limpeza e manutenção, como o hidrojateamento, entre outros que demandam uma grande quantidade de água em sua execução.

Este tipo de banheiro é seco, e ecológico, porque não faz uso de água para a descarga. No lugar disto, utiliza a adição de material orgânico seco rico em carbono, como serragem, aparas de grama e cascas de arroz para otimizar o processo de compostagem.

Desta forma, todos os dejetos são aproveitados em um processo bioquímico de transformação das fezes em composto orgânico fértil e totalmente livre de agentes biológicos patogênicos. Diversas empresas prestam serviços para transformar seu banheiro tradicional em um seco. Pesquise em região onde é possível fazer esta obra de grande importância ambiental.
Será bom para você.

Para mais informações acesse:
Sanitário compostável (banheiro seco).





Este blog está licenciado sob uma Licença Creative Commons.
Creative Commons License
É permitida a cópia parcial dos artigos do Mídia e Ecologia.com, mas não completa, contanto que os devidos créditos sejam dados ao autor.



Ajude o dono deste blog e clique no banner acima, nem dói!

Se Você Localizar Alguma Dessas Pessoas Entre em Contato

Acesse Outros Links:

Top Blog 2010

Ainda não foi desta vez que o Mídia e Ecologia.com venceu, mas pelo menos ele ficou entre os 100 finalistas. Agora é só torcer para que em 2011 isso mude!